CABO DE AÇO NÃO ARREBENTA!

  • Posts
  • CABO DE AÇO NÃO ARREBENTA!

CABO DE AÇO NÃO ARREBENTA!

Apesar de parecer uma afirmação estranha aos olhos de quem já presenciou algum acidente envolvendo cabos de aço, ou mesmo de quem foi vitimizado por um sinistro em decorrência da ruptura de cabos de aço, nossa afirmativa é baseada em relatórios de não conformidade estudados nos últimos anos. Desde o início do presente século, a farra dos cabos de aço fabricados sem nenhum padrão técnico de qualidade tornou-se inexistente em todo o mundo, mesmo no tão criticado mercado asiático. Normas como a ISO 2408 e sua correspondente brasileira NBR ISO 2408 tornou a fiscalização nas unidades fabris e no sistema alfandegário (para produtos importados) numa efetiva barreira que impede produtos de má qualidade ou com falhas de fabricação de entrarem em operação.

Como regulamentação acessória de igual valor, temos a presença de nosso INMETRO na comercialização de cabos em geral, com a obrigatoriedade do selo (acima) que garante o cumprimento da PORTARIA Nº 367:2021, a qual aprovou os Requisitos de Avaliação da Conformidade para Cabos de Aço de Uso Geral.

Todo cabo de aço opera com fator de segurança. O valor referencial básico é de 5:1; ou seja: sua ruptura total ocorre quando a carga de trabalho, ou valor efetivo de operação ultrapassa 5 vezes o valor designado como sendo a carga de segura (WLL ou SWL). Os cabos de aço que são usados em elevadores de passageiros possuem fator de segurança de 12:1! Para cada 1 tonelada/força de trabalho, sua ruptura só ocorre quando supera as 12,0 toneladas/força. Isso que é segurança.

Outra característica de segurança dos cabos de aço é o fato de que mesmo que haja quebra de arames em sua vida útil, mesmo assim, ele possui operação segura até que o limite máximo de arames quebrados provoque a ruptura.

Para que ocorra uma ruptura total de um cabo de aço, teremos presente dois fatores importantes: a) a escolha incorreta do cabo de aço com sua carga de trabalho subdimensionada à necessária para a operação e, b) inexistência da inspeção periódica das condições dos arames de sua composição, através de minuciosa inspeção conforme NBR ISO 4309, e nos casos dos cabos de aço com diâmetros superiores a 38,0mm com análise por inspeção eletromagnética, quando possível. 

Cabo de aço não arrebenta, vai arrebentando! O uso adequado e as garantias documentais impedem acidentes. Fica a dica!

Posts Recentes

CABO DE AÇO NÃO ARREBENTA!

Apesar de parecer uma afirmação estranha aos olhos de quem já presenciou algum acidente envolvendo cabos de aço, ou mesmo de quem foi vitimizado por um sinistro em decorrência da ruptura de cabos de aço…

SAIBA MAIS →

Contatos

Matriz - Rio de Janeiro